Resenha: A grande muralha (Filme - Sem spoiler)


Sinopse 
Não recomendado para menores de 12 anosNo século XV, William (Matt Damon) e Tovar (Pedro Pascal) são dois mercenários em busca de “pó negro” (pólvora). Depois de escaparem do ataque de uma criatura misteriosa, eles se encontram, acidentalmente, aos pés da Grande Muralha. Lá, eles acabam aprisionados pelos guerreiros chineses, que estão na iminência de sofrerem um ataque. Reza a lenda que, a cada 60 anos, uma horda de monstros tenta transpassar a barreira, para se alimentar dos humanos que vivem do outro lado.



Minhas Impressões

Esse filme teve um bom investimento na divulgação, além disso, o trailer é um componente que acrescentou aspectos positivos para atrair o telespectador. Todavia, mesmo com todos esses elementos o filme não é tão impactante.
Não estou dizendo que a obra tenha uma classificação ruim, todavia não foi aquela impressão maravilhosa com a qual imaginei. Sendo assim, em minha análise, seria apenas mais uma produção.

A grande muralha foi uma parceria entre “Hollywood” com a “tendência” chinesa. Foi misturada uma lenda cultural sobre a China juntamente com um pouco de ficção cientifica. Como protagonista temos Matt Damon que interpreta William, um forasteiro e mercenário que junto com seu amigo Tovar (Pedro Pascal) desejam encontrar o “pó negro”, ou seja, a pólvora. Nessa aventura onde não existe sobrevivente, eles encontram antes das muralhas uma criatura desconhecida que por sorte ou não do destino conseguem matar. Entretanto, essa é apenas uma dentre tantas.

A tão famosa Muralha da China nesse enredo tem uma explicação um pouco diferente. Ela foi construída como uma forma de defesa desses seres estranhos, sendo assim, no seu interior existe um exército que se prepara durante 60 anos (que é o tempo que as criaturas aparecem) para enfrentar esses animais. A missão desses guerreiros é impedir que eles (monstros) passem pelo muro.

Decorrentes das atuações gostei muito de Tian Jing que da vida a personagem de Lin Mei, essa consegue transmitir o sentimentalismo e os valores pelos quais acredita. Valor e honra ficam evidentes em sua interpretação. As demais atuações são bem previsíveis, um é o herói e o outro o divertido que quebra um pouco o clima tenso. Outros aspectos que absorveram a minha atenção foi as cenas que retratavam as lutas, os figurinos com bastante detalhes e cores brilhantes e os efeitos das câmeras. Fora isso, talvez por ser muito ousada, considero um filme para assistir na sessão da tarde (até mesmo porque ingresso está caro) sendo um pouquinho mais caprichado.

Comente com o Facebook:

10 comentários:

  1. Olá! Não conhecia esse filme. Pelo trailer os efeitos parecem estar realmente bons. A temática é interessante, mas não é o tipo de filme que me levaria ao cinema. Acho que vou esperar pela "sessão da tarde" haha Se estiver passando na tv, talvez eu pare para assistir.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  2. Olá, pretendo assisti o filme é muito interessante criar um novo conceito da muralha da China. Espero que eu goste. ;)

    www.mundofantasticodoslivros.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Olá!

    Não faz muito meu gênero de filme, então não sei se o veria, mas minha mãe está doida pra ver, porque é justamente o gênero que ela gosta! Apesar de ser um filme ok, me parece muito bem feito.

    ResponderExcluir
  4. Olá, tudo bem?
    Fui assistir á esse filme umas 3x já, e sempre que vou, está esgotado :(
    Gostei muito da sua resenha, estou louca para assistir!
    Um beijo.

    ResponderExcluir
  5. Olá... tudo bem???
    Eu percebi o quanto eles investiram em divulgação, mas mesmo assim meu interesse não foi despertado rs... Não sinto vontade de assistir e lendo a sua resenha percebo que realmente não é um filme pra mim... não que eu não curta algumas lutas e os fatos históricos, mas não sei, acho que eu ficaria bem entediada... Xero!

    ResponderExcluir
  6. Quando vi o trailer tb não fiquei muito empolgada com o filme. Parecia mais uma daquelas super produções, com atores famosos, personagens caracterizados, efeito especial em demasia e história ou lenda a segundo plano. Achei tb que a produção não soube aproveitar a história, já que a participação de atores chineses é mínima. Quando sair na Net, assistirei. ;)

    ResponderExcluir
  7. Olá! Fiquei curiosa para assistir esse filme, desde que vi o trailer. É do estilo de filme que curto, com guerras medievais. E amo filmes com o Matt. Beijos!

    ResponderExcluir
  8. Que bacana essa dica, já estou doida pra assistir. Parece ser uma boa pedida para aqueles que gostam do gênero assim como eu.

    Abraços

    ResponderExcluir
  9. Eu não tinha ouvido falar do filme, mas pelo trailer ele parece ser bem emocionante e do jeito que eu gosto. Mas só uma coisa que me irritou foi o fato de a maioria dos autores não serem de fato da China, mas né, fazer o que...

    ResponderExcluir
  10. Olá Verônica, tudo bem?
    Quando assisti o trailer, fiquei bastante curiosa mas não consegui ir ao cinema.
    E após a sua resenha, acho que vou esperar pra assistir na internet mesmo.

    Beijos e seguindo aqui...

    http://excentricagarota.blogspot.com.br

    ResponderExcluir

Google+ Followers