Coluna de ideias: Pensamentos alheios...



Dentre tantos assuntos polêmicos atualmente, uma única coisa vem me incomodando. Até onde o ser humano consegue ser fiel e comprometido?

Não cabe a ninguém ter um excesso de moralidade e nem esse é o foco da conversa dessa coluna no momento, mas o diálogo se aprofunda do porquê sujeitos se comprometem se não conseguem cumprir com seus votos. Talvez, pelo assunto e o decorrer da narrativa sua mente lhe leve para um coração partido. Creia, não é nisso que se fundamenta essa crítica. Apenas a curiosidade de tentar entender psicologicamente uma mente que brinca com os sentimentos dos outros sem ao menos se sentir culpado, ou mesmo desenvolver a empatia.
Por fim, em meio a essas reflexões de desumanidade, pois não posso conceituar de outra forma, utilizo as palavras de Renato Russo: “A humanidade é desumana”, entretanto quem sabe a parte do “mas ainda temos chance” também seja verídica.

Não quis fazer textão, apenas me exprimir (como sempre faço) através das palavras, pois vejo cada atitude que faz desacreditar em qualquer resquício de amor e compaixão. 

PS: A infidelidade não está relacionada apenas a um relacionamento amoroso, é mais do que isso, já analisou o seu nível de companheirismo hoje?


Comente com o Facebook:

0 comentários:

Deixe seu comentário

Google+ Followers