Warcraft - O primeiro encontro de dois mundos (Filme)






  Sinopse
O mundo pacífico de Azeroth está à beira de uma guerra enquanto sua civilização enfrenta uma raça temível de invasores: guerreiros Orcs fugindo de sua casa moribunda para colonizar um novo lugar. Enquanto um portal se abre para conectar os dois mundos, um exército enfrenta destruição e o outro enfrenta a extinção. De lados opostos, dois heróis são colocados em um caminho de colisão que irá decidir o destino de suas famílias, seu povo e seu lar. Então, uma saga espetacular de poder e sacrifício começa, onde a guerra tem muitas faces, e todos lutam por algo.


Minha Opinião

             Muitos filmes já foram lançados baseados em vídeo game, creio que esse não é exceção.  Entretanto a qualidade e emoção contidas nas cenas impactam e contagiam a qualquer um.
            A adaptação cinematográfica foi dirigida por Ducan Jones, tendo como roteirista Charles Leavitt que conseguiu adaptar com qualidade a obra para as telinhas. A estória é baseada em mundos paralelos, onde as passagens ocorrem por portais mágicos. Depois de perderem seu mundo os orcs invadem através do portal esse novo terreno, onde dentro de um governo monárquico há humanos e magos.
            Em meio a tudo isso orcs e humanos se enfrentam, todavia os orcs se dividem por duas lideranças, pois uma é totalmente destrutiva e maléfica. Usando de todos os meios permitidos, a luta pela “defesa” e “domínio” do território começa, onde dois povos totalmente diferentes lutam pelo que acreditam ser o correto.
            O diferencial dessa trama é demonstrado na riqueza de detalhes, o cuidado em retratar tudo de acordo com a realidade. As cenas, a maquiagem e os efeitos tanto no cenário, como nas criaturas e na fantasia nos remete a um mundo pitoresco e real. As peculiaridades são tão perfeitas que em muitos momentos percebe que o ator contracenou com o vazio, pois muitas cenas foram editadas digitalmente para uma maior veracidade.
            Enfim, como Paula Patton, Travis Fimmel, Ben Foster e outros atores de “peso”, a diversão é garantida. Todo o elenco contribuiu excelentemente para um espetáculo que deixa qualquer um impactado e ansioso pelo próximo filme. 


Comente com o Facebook:

9 comentários:

  1. Quando vi o trailer desse filme pela primeira vez eu pensei: mais uma adaptação ruim. Mas confesso que estava enganada.Assim como você achei incrível a riqueza de detalhes do filme. Beijos

    ResponderExcluir
  2. Nossa, eu ainda não conhecia o filme mas já fiquei muito curiosa com ele. Costumo gostar de filmes desse estilo e parece estar bem bacana, com muitos detalhes bons e bem filmado também.

    ResponderExcluir
  3. não gosto muito da historia e tudo mais, mas o filme ficou incrível. os efeitos a fotografia, tudo!
    Gostei bastante.

    #Ana Souza

    https://literakaos.wordpress.com/

    ResponderExcluir
  4. Olá.

    Assisti esse filme nesse fim de semana e adorei! Já queria muito ver, mas não consegui ir no cinema assistir. Quero muito ler o livro agora, acho que vai ser uma ótima leitura.

    ResponderExcluir
  5. Menina, já ouvi falar muito bem desse game, desse filme e se não me engano existe o livro também, mas ele realmente não faz meu gênero, mas eu tenho um amigo que gosta muito desse game, viciadão, então irei super indicar o filme para ele, bjs

    ResponderExcluir
  6. Não conheço o jogo, e não conhecia o filme. Não é o estilo que gosto, acho muito fora do meu mundo.rs
    Muito boa a ideia de resenha de filmes :)

    ResponderExcluir
  7. Oi!
    Vi o trailer desse filme em um evento há alguns meses e fiquei bem curiosa com a história. Nunca joguei o jogo, e nem tenho interesse, mas a romantização que fizeram para o cinema parece ter dado muito certo.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  8. Oii!
    Não conheço o jogo e nem conhecia o filme, mas suas considerações me deixaram curiosa sobre rsrsr
    Tá anotadinho :D
    Beijos, Isa
    belacultblog.wordpress.com

    ResponderExcluir

Google+ Followers