Resenha: Iniciada

                                    Título: Iniciada
Autora: Amanda Hocking
       Editora: Rocco Jovens Leitores


Wendy Everly precisa fazer uma escolha impossível. Se não se entregar à Vittra, os Trylle precisarão travar uma guerra brutal contra um adversário invencível. Mas como Wendy poderia deixar todos os seus amigos para trás... ainda que essa seja a única forma de salvá-los?




Esse livro faz parte da trilogia Trylle e já era para ter terminado um tempinho. Minha demora não consiste no livro ser ruim ou algo do tipo, apenas algumas agitações na minha vida pessoal e acabei dando uma maior atenção a esses fatos. Para uma melhor compreensão da resenha é importante ler as epítomes anteriores.
Diferente das outras narrativas, achei que essa obra deu um “salto” no bom sentido, o que de fato me surpreendeu. Uma das questões que contribuíram para esse pensamento foi o amadurecimento da protagonista, Wendy, que mesmo com alguns altos e baixos mostrou sua liderança e determinação para realmente conseguir ser merecedora do título de rainha.
Essa reviravolta começa no momento que Loki, o Vittra que pertence a tribo rival, pede anistia. O romance que já se desenvolvia no enredo do livro anterior surgiu mais forte e sincero. Claro que a princesa Wendy concedeu o perdão ao mesmo e como retribuição ele contribuiu com informações valiosas para o reino.
Também é possível obter uma perspectiva diferente da rainha Elora, no exemplar anterior já é notável sua verdadeira personalidade, mostrando características mais humanas e amorosas e seu afinco em tentar colocar as questões do reino em primeiro lugar. Nesse é descoberto como a mesma é sentimental e todo o esforço que fez para agir de forma mais fria, escondendo todo amor e carinho que sente pela filha. Realmente, essa nova “roupagem” é emocionante. Já nos primeiros capítulos começa a surgir uma torcida para que a doença não a vença, ao contrário, para que a mesma tenha forças suficientes para chegar ao final dessa obra viva. Entre tantas narrativas, algumas chamam muito atenção, como por exemplo o momento que Elora conta sobre o nascimento de Wendy (p.35), ou mesmo quando ela demonstra todo sua afetividade ao defender a permanência da princesa no palácio, mesmo estando debilitada ela encontra forças para se pronunciar contra essa ação (p.213 e 214). Outras cenas também são louváveis, seja ao declarar seu amor para a filhar ou seus conselhos verdadeiros para ser feliz e deixar as obrigações de lado, afinal, assim como na vida real, pessoas não reconhecem esforços e são raras as exceções (p.217 e 218). No decorrer de toda a história as descrições mostram que esse era realmente um amor de mãe: amor incondicional!
Prosseguindo um pouco nessa resenha, a autora realmente investiu no romance de Wendy e Loki. É completamente impossível não se apaixonar por ele! A palavra cativante é pouco para descreve-lo, além dos famosos deboches e da ironia ele é literalmente um homem admirável. Em vários trechos sua irreverência ou sensualidade é eletrizante e contagia o leitor, em outras partes a risada é algo certo sendo a paixão inflamável. Existem vários momentos inesquecíveis, alguns cheguei a marcar no livro para colocar, mas no final resolvi deixar apenas uma fala que encerra tudo que foi afirmado sobre ele até aqui.
"— O que estou preste a dizer. Parece idiotice, mas é verdade. Ele respirou fundo. — Eu vi meu mundo inteiro nos seus olhos."

Em relação a Finn, para quem não sabe ele era o protagonista principal no primeiro livro da trilogia e no segundo a autora tentou fazer um triângulo amoroso que só em ler percebe-se que estava destinado ao fracasso, pois não tinha “consistência”. Nesse ficou mais evidente que esse personagem foi para escanteio, o mesmo pelo senso do dever se tornou chato e apático e para não deixar o mesmo sozinho a autora interveio com um par romântico.

Achei que a autora havia se esquecido de outras personagens, porém nos capítulos finais eles apareceram, mas cabe ressaltar que mesmo coadjuvantes foi estranho não ver Rhys e Rhiannon na trama. O que achei meio decepcionante foi o confronto da rainha Wendy com seu pai o Rei Oren, não consegui sentir toda a emoção. Achei que a vitória foi rápida, não sei explicar, apenas não impressionou, e era a parte mais esperada. Entretanto fora esses pormenores da trilogia esse foi o melhor. Espero ter conseguido passar o enredo de forma positiva, a intriga é instigante, cheia de segredos, surpresas, vale a pena se envolver e se deliciar com esse novo mundo. 


                                             Resenha do 1º. livro da série TROCADA


Por Verônica Dutra

Comente com o Facebook:

17 comentários:

  1. Olá.
    Eu conhecia esse livro porém ainda nao tinha visto nenhuma resenha dele. A sua ficou bem legal, parabéns. Espero que seus problemas pessoas estejam resolvidos :D

    Beijos
    Books And Carpe Diem

    ResponderExcluir
  2. Até o momento essa trilogia não me interessou.
    Não entendi tanto da trama porque não li resenha dos livros anteriores, então fiquei um pouco perdida.
    Que bom que esse foi o melhor, porque é tão frustrante quando o livro final não acaba bem a história.

    Andresa Dias
    http://leiturasefofuras.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Vamos em partes *-*
    A capa do livro é maravilhosa, adorei esse tom de verde.
    Eu conheço autora, mas te confesso que não sabia da trilogia, OMG.
    Não conhecia o livro, então pra mim fica um pouco confuso.Pelo que notei existe bastante personagens bons no livro :) E alguns que nem foram citados né?
    Acho que para um livro com algumas ressalvas ele pareceu ser uma ótima leitura.

    Beijinhos, Helana ♥
    In The Sky, Blog / Facebook In The Sky

    ResponderExcluir
  4. Olá, Verônica. Que capa bonita, mas nunca tinha visto nada sobre essa série. Vou dar uma olhada nos anteriores pra entender melhor. ^^
    Bjo
    www.viciadosemleitura.blog.br

    ResponderExcluir
  5. Oi, tudo bem?
    Lembro que li a resenha do primeiro volume aqui e tinha ficado bastante interessada na leitura. Acho as capas da trilogia Trylle lindas e espero poder ler em breve.
    Não vou ler por agora porque estou com leituras atrasadas, mas pretendo ler até o final do ano.
    Sua resenha está ótima ;)

    Beijos
    Leitora Sempre

    ResponderExcluir
  6. Ooi! Eu não conhecia esta trilogia, e a achei meio confusa, principalmente a sinopse deste livro resenhado. Creio que esta impressão ocorreu porque eu não li os livros anteriores.
    Bom, parabéns pela resenha!
    Bjs

    ResponderExcluir
  7. Oi Verônica,
    Entendo sua ressalva sobre tudo ser rápido no final, pois esperamos algo que nos deixe sem fôlego e quando vemos foi só um suspiro ou uma piscada e terminou. Eu tinha curiosa com o livro, mas fiquei meio com o pé atrás, quem sabe um dia. Bela resenha.

    Beijos
    http://amagiareal.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Olá!

    Não conhecia essa trilogia, mas não me interessei muito por ela, por ser fantasia. Não é um gênero que eu curta. Gostei da sua resenha, para os fãs de fantasia, ela servirá e muito para esses leitores!

    resenhaeoutrascoisas.blogspot.com

    ResponderExcluir
  9. Oi Veronica! Vi a capa do primeiro livro da trilogia no face ainda essa semana e fiquei encantada rsrsrs. Comecei a ler sua resenha, fiquei um pouco perdida por não conhecer a série, mas ao ler as resenhas dos primeiros livros, consegui compreender. Só não me decidi se quero ou não iniciar a leitura hahaha.
    Beeijos
    http://lua-literaria.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. Olá,
    Não conhecia a série, mas pela resenha deste que é o último a leitura para ser muito agradável.
    Parabéns pela resenha, ela está muito bem escrita.
    Abraços
    www.pontoparaler.com.br

    ResponderExcluir
  11. OIE
    Que bom que gostou do livro apesar de certos pontos, sua resenha está bem legal e leria o livro só que mais para frente

    Beijos
    http://realityofbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  12. Oiiiii
    Tu acredita que ainda não li? E os tenho aqui para ler...mas são tantos livros na fila...

    Amei a tua resenha! Me deixou com vontade de ler logo!
    Bjs

    ResponderExcluir
  13. Oiii!

    Eu não conhecia o livro e acho que essa é a primeira resenha que leio. A proposta do livro me agradou bastante, mas não sei se leria. Acho que faltou muitos detalhes para se tornar uma leitura valida para mim. E por ser uma trilogia, a probalidade de eu ler essa obra, é minima no momento.

    Beijinhos

    ResponderExcluir
  14. Que ótimo que a obra deu um salto, e que a protagonista amadureceu. Isso da parte mais esperada não impressionar é decepcionante, mas infelizmente acontece. Que bom que mesmo assim achou esse o melhor livro da trilogia, e que achou que a leitura valeu a pena.

    Beijo!

    Ju
    Entre Palcos e Livros

    ResponderExcluir
  15. Olá!
    Parece que super valeu a pena a sua leitura, parabéns pela resenha! Não é o tipo de leitura que me atrai, mas a capa é muito linda! (Hoje estou especialmente apaixonada pelas capas dos livros que tenho visto!).
    Abraço!
    http://www.pacoteliterario.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  16. Oi, tudo bem?
    Primeiro quero dizer que essa capa é extremamente linda. Simplesmente gamei nela! Não entendi muito bem a premissa do livro, até porque não conheço o primeiro livro, aí complica um pouquinho. Mas pela tua resenha deu para perceber que, mesmo não estando completamente por dentro da história, esta é uma série que leria. Já vou ler a resenha do primeiro livro e, se minhas conclusões estiverem certas, irei adicionar essa série na minha lista de desejados.

    Beijos!

    Books and Movies
    www.booksandmovies.com.br/

    ResponderExcluir
  17. Oi, tenho os livros aqui, mas não sei quando irei ler, vi que gostou da história desse livro, apesar dos pontos que te incomodaram, espero que quando ler goste tanto ou mais que você.


    bjs

    ResponderExcluir

Google+ Followers